Grupo Espírita em Niterói-RJ

Tag: espiritismo (Page 1 of 2)

O Caminho

O Caminho
Faz-se de retas,
Curvas e tropeços.
Faz-se de Amor,
E de recomeços.
Fazes tu com boa vontade?

A Vida conduz,
Mas escolhas são vontades.
Pensas tu sobre a vaidade?

Família,
Pátria,
E Humanidade.
Consideras tu a Diversidade?

Jesus,
Evangelho,
Verdade,
Segues tu esta realidade?

25/10/22
Casimiro Cunha
C. Medella

Brasil, coração do Mundo

Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho, como isto lhe parece?
Convidamos a breve reflexão visto que as interpretações sobre tal assertiva, em muito tem-se distanciado do propósito primeiro.


Para tornar-se referência em algo se faz mister conquistar a mestria sobre o tema versado sendo possível somente através do fazer constante de forma a aprofundada-lo a tal ponto que se torne parte intrínseca do praticante.


Jesus torna-se Rabi da Galileia quando inicia o seu Ministério na Terra, no entanto se faz Mestre dos Mestres quando unifica seu pensar ao sentir e agir.


Nota-se um ir além do simples anunciar da Boa Nova, um além da oratória, vaidades e letras mortas. Sua pratica oferece contornos mais nítidos quando cumpre Antigas Escrituras e se faz conhecer ao tornar-se por Ele mesmo o Novo Evangelho corporificado. Faz do verbo matéria viva quintessenciado pelo Amor em Ação!


Ser Pátria é tornar-se Lar, um lugar, sobretudo de pertencimento. Aos espiritistas sempre exortamos a importância de manter o fogo da Boa Nova aceso em seus lares através do Culto do Evangelho, se assim, perguntamos: o quanto temos sido capazes de promover equanimemente bem-estar a todos que aí habitam?


Afirmamos que o Universo é Amor expresso na Diversidade. Para o Criador não existe flores mais belas que outras todas são flores e todas são manifestações de Sua Vontade.


Tornar-se o Coração do Mundo implica em acolher o todo em suas incontáveis expressões. Lembramos que Profecias são apenas possibilidades e não garantias! Alcançamos o cume da montanha passo a passo, no entanto o trajeto não é único e se manifesta a cada escolha.


Que possamos nós seguir O Caminho, em viagem segura junto A Verdade consolidando A Vida no fazer em Amor!

25/10/22
Casimiro Cunha
C. Medella

Dos desertos aos frutos

Sábio é o homem que enxerga o solo seco, a semente seca, mas vê naquela sequidão o fruto de futuras conquistas! Pois abaixo dos corações secos, rachados pelo ódio, também abriga-se a água cristalina, ainda adormecida, mas que um dia brotará dos olhos do homem então bem-aventurado…

E dessas lágrimas, que regarão o solo, que regarão as sementes, frutificar-se-ão o bem e o fruto de dias mais felizes. Serão esses dias então a conquista por tantos desejada hoje na Terra. Planeta de corações humanos ainda áridos, ainda secos pelo ódio e pela cobiça. Terra, o teu coração palpita e sofre…

Mas o sangue dos homens será o vinho que nutrirá também os desesperados em dias de longa aflição. Pois da natureza nada se rejeita e de tudo se tira proveito para a continuidade da vida.

Pois o exemplo da dor a percorrer os corpos humanos serão como o solo ainda árido a recuperar a sua fertilidade. Será preciso a enxada do destino corretivo e as lágrimas do arrependimento para que o solo da Humanidade possa recuperar a sua capacidade de gerar mais frutos e menos desertos.

Saudação

Caros irmãos! Aqui estamos recebendo as bênçãos que estão sendo bafejadas sobre todos os encarnados presentes.

Somos gratos pela oportunidade de presenciar tão belo cenário.

Esperamos e temos a certeza de que esta casa de caridade está caminhando para um florescer, na busca do auxílio indistinto a qualquer irmão que venha solicitar ajuda.

Esperamos que essa busca não desvaneça.

Temos a certeza de que os obstáculos serão superados com dignidade e perseverança, pois a fraternidade e o amor incondicional estarão sempre presentes em cada coração dos componentes dessa agremiação espírita.

Agradecemos à oportunidade que nos foi dada, esperando nos ser agraciado com tão grande aprendizado, outras vezes.

Que Deus, nosso pai esteja sempre presente nos corações de todos os participantes dessa reunião.

Choro

Choro todas as noites na esperança de encontrar a luz.

Choro todas as noites na vontade de ver o sol, a mata.

Choro todas as noites na calada da minha alma para encontrar a paz.

Choro todas as noites na esperança de ver alguém acalentando o meu corpo.

Choro todas as noites na certeza de que alguém irá encontrar-me e dizer-me palavras tranquilas.

Choro por não encontrar em mim a coragem de dizer o que eu sinto, ou talvez o que eu sentia em outra vida.

Choro por não ter vontade de amar, ou talvez não tenha aprendido a amar.
Mas sinto que alguém vem, deixa um pouco de esperança e talvez através dela poderei me conhecer de outras maneiras.

Hoje aprendi nesta casa a oportunidade de saber ouvir, sentir e acreditar.

Obrigada a todos vocês desta casa.

O Bom Caminhar

Companheiros, que haja luz entre todos nós!

Saibam que as conquistas estão facultadas a todos, embora os sofreres também. Por isso, estejam atentos sempre aos vossos caminhares do dia-a-dia.

Muitas vezes, a tranquilidade de certos dias amenos pode transfigurar-se no tormento de dias futuros. A tranquilidade não deve ser confundida com comodidade. A vida é trabalho contínuo, trabalho contínuo para o bem. E é daí que colheremos, de fato, as nossas verdadeiras conquistas futuras.

Atentos estejamos a cada passo irmãos… E que a humildade e coragem de reconhecermos os nossos erros possam nos impulsionar sempre para o bom caminhar.

Nós somos Deuses

Entendi que um dia deveria fugir para onde meu coração quisesse que fosse… Onde os dias passassem como o desabrochar do botão de uma rosa. E que lá a vida abundasse, que lá os sorrisos fossem sinceros, que lá um olhar fosse um raio de luz que parte do coração de cada um de nós…

E quis que esse dia chegasse sem demora, mas também sem que a brisa de cada dia meu perdesse o seu aroma, a sua vida… Com isso, passei então a abrir as minhas mãos e observá-las em seus pormenores: perfeitas as minhas mãos. Perfeitos também os meus olhos, meus membros, minha mente articulava bem o meu raciocínio… E passei então a viver esse meu mundo novo a cada passo, a cada instante, sem que qualquer traço fosse abandonado pelo descuido.

Entendi assim que as estrelas brilhavam sim na escuridão do firmamento dizendo: “Meu filho, jamais te deixarei sozinho.” Percebi também que belíssimos raios solares brilhavam tênues e confortáveis nas nuvens crepusculares de toda tarde, pude sentir o ar fresco que jamais de mim ausentou-se… E tantas outras coisas pude perceber, pude enxergar a partir daquele instante em que despertei para a vida.

Vi também que alguns também possuíam aquele meu viver…

E num belo dia em que o azul do céu parecia nos envolver no seu infinito azul, demos todos as mãos e, pouco a pouco, fizemos nascer a chama desse mundo novo, a chama do viver em nossos corações. E a chama desse viver brilha nos céus de cada alvorada terrena, propagando-se infinitamente pelos corações de cada homem de boa vontade. Essa chama é Deus.

O pensamento do homem

No pensamento do homem reside o seu mais vero viver. Esse, senão visto pelas vestes da carne, visto é pelos véus do espírito. Entendamos o quão valor possui o nosso pensar em nossa condição de saúde espiritual e, por conseguinte, física.

Feliz é o homem que com o seu pensar atento caminha, examinando-se continuamente diante dos desígnios divinos. E se as vãs aparências muito levam a crer que aquele homem cercado de ventura sempre estará, sem que seus pensares livres estejam, suas próprias lágrimas o denunciarão publicamente. Pois, aos olhos do Pai, nada escapa.

E antes de nos queixarmos e rogarmos misericórdia ao Pai perante nossas dores, que traduzidas são por nossas lágrimas em dias de aflição, sejamos sinceros e verdadeiros para conosco mesmos: sejamos, de fato, o Evangelho, a cada segundo de nosso existir.

Pois, quando assim formos, estaremos bem resguardados ao lado do Altíssimo em sua celestial morada.

Mar, estupendo Mar!

Mar, estupendo mar!

Se pararmos para observar mais detidamente o mar à nossa volta, notaremos que as ondas são apenas um reflexo de toda a grandiosidade que está abaixo da superfície.

Inúmeras formas de vida vivem nas profundezas e muitos são os ambientes que nem imaginamos existir no fundo do mar.

Assim também é a nossa essência humana. O que conseguimos ver e conhecer de nós mesmos e dos outros são apenas reflexo do grande interior que temos em nós mesmos.

Aqui estamos para mergulharmos em nosso azul profundo e nos conhecermos cada vez melhor. O que é a vida se não o aprendizado diário?

Muito ainda há a ser desbravado por dentro de nós mesmos e, por mais que pensemos o contrário, nosso azul profundo é mais belo do que imaginamos.

Fica aqui o convite de mergulharmos em nosso próprio interior, para que descubramos que somos mais belos do que pensamos e que, na realidade, o medo é que impede de nos aprofundarmos mais em nossa verdade.

Que a brisa interior refresque as almas de todos nós!

Viva como se fosse o Último Momento

Olhe as estrelas no céu brilhando no horizonte. Pense na beleza do mundo no qual você vive. Não espere o pior da vida, mas espere que cada dia tenha uma vida melhor, de esperança, amor e humildade. Mas tenha fé que tudo vem para melhorar o nosso crescimento na Terra e no plano espiritual.

Ame a todos à sua volta: abrace o companheiro que está perto, sorria para aquele que hoje você ainda não sorriu.

Filha(o), sinta o cheiro e o frescor dos pingos de chuva caindo no seu rosto e viva tudo da melhor maneira.

Não esqueça de agradecer pelo ontem, o hoje e o amanhã.

Viva como se fosse o último momento.

Abraço de todos os que olham por você.

Filha(o), sinta o cheiro e o frescor dos pingos de chuva caindo no seu rosto e viva tudo da melhor maneira.

Não esqueça de agradecer pelo ontem, o hoje e o amanhã.

Viva como se fosse o último momento.

Abraço de todos os que olham por você.

« Older posts

© 2022 Servidores de Jesus

Theme by Anders NorenUp ↑